Atropelaram o francês Battiston

Jogo foi disputado no estádio Sánchez-Pizjuán, em Sevilla

França a e Alemanha fizeram um grande jogo pelas semifinais da Copa de 1982. O confronto terminou empatado em 3×3 e a vaga foi decidida nos pênaltis. Sem dúvidas, uma das melhores partidas do Mundial da Espanha. Em breve, este blog trará um relato mais bem detalhado sobre o jogo

O post trata mais exclusivamente de um lance ocorrido aos 12 minutos do segundo tempo. A partida estava empatada em 1×1, quando Platini lançou bola ao ataque, na direção do companheiro Patrick Battiston. O francês se preparava para chutar a gol, quando foi atropelado pelo goleiro alemão Harald Schumacher.

Foi uma agressão em que Schumacher entrou para rachar Battiston. O francês ficou caído durante alguns minutos, desacordado, e precisou sair de maca direto para um hospital. Schumacher, pasmem, não recebeu sequer o cartão amarelo.

Battiston perdeu um dente e sofreu uma concussão cerebral, mas felizmente não teve maiores sequelas. Schumacher, que depois do episódio ficou conhecido como O Monstro de Sevilla, foi perdoado e até compareceu ao casamento de Battiston.

Explore posts in the same categories: Uncategorized

Tags: ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: